Este blog é a materialização de duas necessidades humanas: expressar o que nos passa pela cabeça e guardar para consulta futura. Não possuo formação específica sobre as matérias abordadas, logo, este blog é apenas um espaço aberto de opinião.

.posts recentes

. Dona Maria 1974

. Bafarela Grande Reserva 2...

. Quinta Cidrô Boal 2014

. Ventozelo Reserva 2014

. Castello D'Alba Vinhas Ve...

. Luís Pato Maria Gomes

. Langhe Nebbiolo 2010

. Ribbonwood Pinot Noir 201...

. Framingham Classic Riesli...

. Quinta do Vallado Field B...

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

Sexta-feira, 15 de Agosto de 2014

Pequenos Rebentos Escolha 2013

 
Vinho Pequenos Rebentos Escolha
Tipo / Ano Branco 2013
Castas Trajadura / Alvarinho
Região Vinhos Verdes
Produtor Márcio Lopes
 
Opinião Muito bom
Data Prova julho 2014
Preço PVP inf a €4,00

 

 

Este vinho foi incluído numa seleção para uns dias de férias. Férias significa mais oportunidades para provas e outra disponibilidade de espírito para usufruir dos vinhos. Este vinho vem reforçar o caminho de qualidade que Márcio Lopes tem vindo a percorrer enquanto produtor. Na versão brancos, iniciou com um varietal de alvarinho, mas rapidamente apostou num lote tradicional da região dos vinhos verdes (trajadura/alvarinho). A versão 2013 mostra-se um perfeito vinho para o verão, pelo seu carácter verdadeiramente refrescante. O seu grande mérito é conseguir esta frescura com uma acidez muito equilibrada, ou seja, na prova não domina as sensações transmitidas pelo vinho. De cor citrina fechada, mostra aromas cítricos, com nuances vegetais e frutadas. Bem fresco na boca, corpo médio e acidez bem equilibrada, que contribui para um final médio e persistente. Um sinal importante sobre este vinho é a relação com a temperatura. Se abrirmos ao tirar do frigorífico, nos 4/5 graus, a frescura é mais dominante e ficamos apenas com as notas cítricas; no entanto, se o deixarmos aproximar da temperatura mais adequada (mais próxima dos 10 graus), então os restantes aromas revelam-se, conseguimos percecionar o corpo e a degustação é enriquecida. Um vinho com alma de verão, gostei muito.

Como vou recordar este vinho: Vinho com acidez impecável, saboroso e refrescante, perfeito para o verão.

tags:
publicado por Ricardo Cruz às 17:36
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.links

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds