Este blog é a materialização de duas necessidades humanas: expressar o que nos passa pela cabeça e guardar para consulta futura. Não possuo formação específica sobre as matérias abordadas, logo, este blog é apenas um espaço aberto de opinião.

.posts recentes

. Dona Maria 1974

. Bafarela Grande Reserva 2...

. Quinta Cidrô Boal 2014

. Ventozelo Reserva 2014

. Castello D'Alba Vinhas Ve...

. Luís Pato Maria Gomes

. Langhe Nebbiolo 2010

. Ribbonwood Pinot Noir 201...

. Framingham Classic Riesli...

. Quinta do Vallado Field B...

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

Segunda-feira, 17 de Junho de 2013

Alabastro - Tinto 2011


Vinho Albastro
Tipo / Ano Tinto 2011
Castas Aragonez, Trincadeira, Cabernet Sauvignon
Região Reg. Alentejano
Produtor Aliança Vinhos

Aspecto Rubi
Nariz Frutado
Boca Entra suave. Com corpo médio, não sentimos taninos e a frescura não é o seu forte. Redondo e polido, termina médio com um toque de acidez.

Opinião Bom
Data Prova junho 2013
Preço €3,00, Continente

 

 

Num fim de tarde normal de regresso do trabalho surge o telefonema para um jantar de improviso. A garrafeira estava reduzida no segmento entrada de gama, portanto, há que passar no hiper mais próximo. Bem, já que 2011 está a prometer no Douro, que tal espreitar outras regiões? Passei pelo Alentejo e a escolha foi para o Alabastro, nome tradicional da região, que já não bebia há bastante tempo.

Encontrei neste vinho um Alentejo que bebo cada vez menos, face às mudanças na oferta de região, mas acredito seja autêntico. Um vinho franco, fácil, frutado e agradável, que não encaixa nos padrões modernos, mas não é nada que o menospreze. Indicado para apreciadores de um estilo tradicional, em que dizemos: é um Alentejo.

publicado por Ricardo Cruz às 18:48
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.links

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds